Tipos de Pavimentação e como usar cada um: descubra!

A pavimentação é a ação de cobrir um lugar com determinado material que permita que o solo fique melhor preparado para a circulação de veículos. Assim, é possível ter mais segurança, melhor condição de tráfego e a certeza de que o próprio terreno estará mais seguro. 

Ciente disso, é importante entender cada tipo de pavimentação que existe e saber como e quando aplicar cada um deles, de forma a garantir que seu lugar realmente tenha a pavimentação correta e seja funcional para o seu dia a dia. 

Acompanhe nossa matéria para saber mais sobre os tipos de pavimentação e como usar cada um deles. 

Pavimentação Flexível

A pavimentação flexível é o tipo mais comum e o que mais você vai ver sendo usado no dia a dia, principalmente nas vias públicas. 

Para este tipo de pavimentação, se utiliza o asfalto como principal material. Assim, ele tem um custo menor que outros tipos e costuma ser usado principalmente em lugares com mais distâncias.

Como características principais, se destacam os fatos de ser flexível e se adaptar às deformações do solo, ser uma pavimentação impermeável, a possibilidade de ser fácil de aplicar e reparar e, claro, o baixo custo.

A pavimentação flexível geralmente é aplicada em vias públicas, calçadas e pátios.

Pavimentação Rígida

A pavimentação rígida é mais resistente e feita para que aguente grandes cargas por muito mais tempo. Para isso, utiliza o concreto como material principal. 

Diferente do asfalto, o concreto, após estar completamente seco, é rígido e resistente a grandes cargas, como caminhões de transporte. Ele é um material durável e tem menor necessidade de manutenção.

Mas, para que isso aconteça, existe um alto custo. Por isso, em geral é usada a pavimentação rígida em vias com alto volume de tráfego, pátios industriais e outros lugares com movimentação contínua de carga pesada. 

Pavimentação Semirrígida

Uma alternativa aos tipos anteriores de pavimentação é a semirrígida. Com ela, é usada uma base de concreto com revestimento asfáltico, fazendo, assim, um tipo diferente de pavimentação que pode ser bem interessante. 

Isso porque ela combina as vantagens da flexibilidade do asfalto, que se acerta melhor no terreno, com a resistência do concreto. 

Assim, acaba tendo uma boa relação custo-benefício, sendo utilizada em vias com tráfego moderado, áreas de estacionamento e outros lugares onde não há uma movimentação contínua.

Pavimentação Intertravada

Outro interessante tipo de pavimentação é a intertravada. Neste tipo, diferente dos outros modelos, são usados blocos de concreto intertravados para fazer a pavimentação, criando um espaço bem seguro e interessante. 

Isso porque ele é permeável, permitindo a infiltração da água no solo. Assim, é ideal para lugares onde possa haver mais água passando, como encostas e outros.

Além disso, ele é fácil de instalar e reparar, dando uma estética diferenciada. 

Vale lembrar que a pavimentação intertravada é resistente a tráfego leve, por isso, é usada em calçadas, áreas de pedestres, pátios e localidades onde não haverá a passagem contínua de veículos pesados. 

Pavimentação de Pedra

Outro tipo bem interessante e comum de pavimentação é a que usa pedras para o resultado final. Em geral, são usados paralelepípedos, granito ou outros tipos de pedras, de acordo com o lugar e com a finalidade da pavimentação.

Este tipo de pavimentação tem como benefício a alta durabilidade e sua estética natural, já que mantém as características da pedra em sua composição. 

Entretanto, é preciso lembrar que as pedras são um tipo de pavimentação de alto custo e que a manutenção é bem mais complexa que outros tipos. 

A aplicação deste tipo de pavimentação é em calçadas, áreas de pedestres, ruas históricas e ruas privadas. 

Pavimentação Ecológica

Nos últimos anos, um tipo de pavimentação que tem sido utilizada em lugares específicos é a pavimentação ecológica. 

Diferente de outros tipos, são usados materiais reciclados ou permeáveis, que dão uma característica única ao lugar, trazendo um resultado diferenciado para o espaço asfaltado.

Este tipo de pavimentação tem um menor impacto ambiental que os outros, já que utiliza da reciclagem, retirando materiais que virariam lixo e reutilizando no solo.

Além disso, é um tipo de revestimento permeável, permitindo a infiltração da água no solo e evitando acúmulos. 

Com isso, você pode construir uma pavimentação com variedade de materiais e cores, que vai fazer com que suas calçadas, áreas de pedestres, ciclovias ou outros lugares tenham um toque especial. 

Confira também: Conheça a ECO 300: A Torre de Iluminação Solar da Revlo

Qual tipo de pavimentação escolher?

A escolha do melhor tipo de pavimentação vai depender de diversos fatores. Você deve considerar tudo na hora de decidir qual vai fazer. 

Em relação ao tráfego, se for alto, o concreto, blocos intertravados de concreto ou pedra são os ideais. Para trânsito moderado, asfalto ou concreto. Já se for leve, asfalto, blocos intertravados de concreto, pedra, material reciclado ou permeável pode ser usado. 

De acordo com o clima local, você também pode decidir. Lugares frios, devem usar o concreto ou asfalto modificado. Para lugares quentes, use o asfalto convencional.

Outra consideração que você deve fazer é em relação ao custo do material que vai usar na pavimentação.

O concreto e a pedra possuem custos mais altos. Já asfalto e blocos intertravados de concreto, são custos médios. O material reciclado ou material permeável, em geral, possuem custos mais baixos. 

A estética do lugar deve ser um fator determinante. Para uma estética moderna, use concreto ou blocos intertravados de concreto. Se você quer algo mais natural, a pedra é a melhor escolha. Para um espaço mais rústico, o material reciclado ou permeável pode ser ideal.

Além de tudo isso, é importante que você pense sobre a permeabilidade, manutenção e a durabilidade. 

Se a área precisa de permeabilidade para a infiltração da água no solo, escolha materiais como blocos intertravados de concreto, material reciclado ou permeável.

Considere, também, a facilidade de manutenção do tipo de pavimentação escolhido de acordo com a utilização. 

E, claro, escolha um material durável para o tipo de tráfego que a área receberá.

Com essas dicas, você vai ter o melhor tipo de pavimentação para seu espaço. Gostou? Veja mais dicas em nosso blog.


LOGO-TRANSP

Conheça o nosso portfólio de equipamentos de iluminação e sinalização remota.